Fonte: Serviço Cartográfico do Exército, folhas 28 e 42, escala original de 1:25000

 

É uma proposta de percurso pedestre em circuito, com cerca de sete quilómetros, denominado de pequena rota (PR). Tem como ponto de partida e chegada a Capela seiscentista de S. João de Padornelo, em Casais de Vide. Encaminhando em direcção ao Lugar das Lameiras, pelo “Caminho das Lameiras” descemos até ao Parque de Campismo Rural de Aboim da Nóbrega. Aqui segue-se pelo “Caminho das Zimprouas”, descemos uma pequena encosta até ao rio. Devido à não existência de uma ponte, a travessia do Rio Vade será facilitada por um carreiro de pedras alinhadas, usado pelos pastores que aqui passam diariamente. Continuando em direcção a sul pela encosta, chega-se ao Lugar da Várzea, onde se encontra a Fonte do Dente Santo, associada a uma lenda de crença religiosa de Aboim da Nóbrega, onde foi em tempos venerado um “Dente Santo”, ao qual o povo atribuía o poder de salvar as pessoas das mordidelas dos cães raivosos. Seguindo em direcção ao Centro Histórico pelo “Caminho do Passal”, passaremos pela Praia Fluvial de Aboim da Nóbrega, pela antiga Câmara e cadeia, o Pelourinho, as Capelas e a Igreja de Aboim da Nóbrega.

A Igreja de Nossa Senhora da Assunção de Aboim da Nóbrega foi em tempos remotos, um mosteiro de freiras beneditinas que datava da era românica. Contudo é-nos bem visível no interior da Igreja, o rico e encantador tecto em talha dourada e uma Capela anexa voltada ara o interior da Igreja, mandada construir pelo célebre fidalgo, João Soares Vivas, capitão-mor das naus da Índia.

No referido Centro Histórico, existe a possibilidade de fazer uma visita ao comércio tradicional, nomeadamente, um mercearia onde perdura a venda de produtos locais como o mel, queijo de cabra, enchidos, ovos, galinhas, coelhos, presunto, fruta da época e broa de milho.

Já em direcção a norte, a cerca de 150 metros do Centro Histórico, passaremos pela antiga Casa do Juiz, em Paço Juz, e a Casa de D. João de Aboim, no Lugar do Outeiro, pertença de D. João de Aboim, homem rico do reinado de D. Afonso III e seu mordomo-mor, o qual descendia das famílias da Nóbrega e de Aboim, dando o nome a esta freguesia.

Subindo pela encosta da Chã Grande, aproximadamente, até aos 590 metros de altitude, chegaremos à Capela de S. João de Padornelo, nosso referido ponto de chegada.

Designação: Percurso Pedestre Dente Santo (Pequena Rota).

Tipo de Percurso: Paisagístico – Cultural.

Distância Percorrida: 7 km.

Duração aproximada: 3 horas e 30 minutos.

Grau de Dificuldade: Percurso médio, e pouco declive.

Pontos assinaláveis: Capela S. João de Padornelo, P. de Campismo, Moinhos, Fonte Dente Santo, Praia Fluvial, Cruzes do Calvário, Antiga Câmara e Cadeia, Pelourinho, Igreja Matriz, Antiga Casa do Juiz, Casa de D. João de Aboim.

Marcações das direcções: assinaladas segundo as normas da Federação Portuguesa de Campismo

Nota: Este percurso desenrola-se, inteiramente, em caminhos públicos.